Você está procurando uma forma de transformar a sua TV comum em uma smart TV? Então você precisa conhecer os melhores aparelhos para deixar a sua TV smart, com as seguintes opções, informando os pontos positivos e negativos de cada aparelho:

1 – TVL Vitalício

O TVL Vitalício é um aparelho que promete levar a melhor experiência de entretenimento para a sua TV. Ele possui o sistema Android 11.0, que permite instalar diversos aplicativos na sua TV, como Netflix, YouTube, Spotify e muito mais. Além disso, ele conta com o sistema P2P, que garante uma conexão estável e sem travamentos, mesmo em redes com baixa velocidade. Com o TVL Vitalício, você pode assistir a mais de 10 mil canais abertos e fechados, sem precisar pagar mensalidade. Você também pode desfrutar de milhares de filmes, séries, animes e novelas, com atualizações constantes. O aparelho ainda suporta WiFi 2.4 e 5 GHz, e oferece até quatro opções de resolução por canal: SD, HD, Full HD e 4K.

Pontos positivos:

– Interface original e deslumbrante;

– Conexão P2P livre de quedas;

– Fácil instalação;

– Canais abertos e fechados sem mensalidade;

– Milhares de filmes, séries, animes e novelas;

Pontos negativos:

– Preço elevado em relação aos concorrentes;

– Necessita de uma boa conexão de internet para funcionar bem;

– Não possui garantia nem suporte técnico;

2 – Hackbox

O Hackbox é outro aparelho que promete transformar a sua TV em uma smart TV. Ele também possui o sistema Android 11.0, mas com uma interface personalizada e mais intuitiva. Ele permite acessar diversos aplicativos na sua TV, além de contar com um navegador web integrado. O Hackbox também oferece mais de 10 mil canais abertos e fechados, sem mensalidade, mas com uma qualidade inferior ao TVL Vitalício. Ele também possui um catálogo de filmes, séries, animes e novelas, mas menos atualizado e variado. O aparelho suporta WiFi 2.4 e 5 GHz, mas só oferece duas opções de resolução por canal: SD e HD.

Pontos positivos:

– Interface personalizada e intuitiva;

– Navegador web integrado;

– Preço acessível em relação aos concorrentes;

– Possui garantia de um ano e suporte técnico;

Pontos negativos:

– Qualidade dos canais inferior ao TVL Vitalício;

– Catálogo de filmes, séries, animes e novelas menos atualizado e variado;

– Só oferece duas opções de resolução por canal: SD e HD;

3 – Speed TV Box

O Speed TV Box é o último aparelho da nossa lista. Ele também possui o sistema Android 11.0, mas com uma interface simples e básica. Ele permite acessar alguns aplicativos na sua TV, mas não todos os que você gostaria. O Speed TV Box também oferece alguns canais abertos e fechados, sem mensalidade, mas com uma quantidade limitada e uma qualidade duvidosa. Ele também possui um catálogo de filmes, séries, animes e novelas, mas muito pequeno e desatualizado. O aparelho suporta WiFi 2.4 GHz apenas, e só oferece uma opção de resolução por canal: SD.

Pontos positivos:

– Interface simples e básica;

– Preço muito baixo em relação aos concorrentes;

Pontos negativos:

– Qualidade dos canais duvidosa;

– Catálogo de filmes, séries, animes e novelas muito pequeno e desatualizado;

– Só oferece uma opção de resolução por canal: SD;

– Só suporta WiFi 2.4 GHz;

– Não possui garantia nem suporte técnico;

Conclusão

Como você pode ver, existem diversas opções de aparelhos para deixar a sua TV smart, mas nem todos são iguais. Você deve escolher o que melhor se adapta às suas necessidades e ao seu bolso. O TVL Vitalício é o mais completo e avançado, mas também o mais caro. O Hackbox é o intermediário, com um bom custo-benefício. O Speed TV Box é o mais barato, mas também o mais limitado e arriscado. Esperamos que este artigo tenha te ajudado a tomar a sua decisão. Boa diversão!

Máiron Vieira

Adepto de Computadores e Notebooks desde quando teve o seu primeiro acesso a um aos 6 anos de idade, um PC com Windows 95 que rodava Coelho Sabido e Swat 3. Desde lá, acompanha o mundo da tecnologia, onde se tornou especialista em Notebooks, Computadores, Monitores e Teclados Gamers. Juntou toda essa experiência com o passa tempo de jogos MMORPG, onde iniciou com Tibia em 2005, mas teve acesso a jogos também como Gunbound, para criar o Blog GAMIWORK. Desde 2019 possui expertise em tecnologia e análises de produtos. E-mail: mairon@gamificationofwork.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *