MMORPG BRITARIA: Novo Jogo de Fantasia Medieval Oferece Teste Alfa Aberto Gratuito

A Moonglow Games, renomada desenvolvedora de jogos, acaba de lançar o aguardado MMORPG BRITARIA, uma imersiva aventura de fantasia medieval. Com promessas de um vasto mundo aberto repleto de desafios, sistemas de combate dinâmicos, artesanato, comércio e muito mais, o jogo está atualmente em fase de teste alfa aberto, disponível gratuitamente para participação.

Anunciada oficialmente pela Moonglow Games, a primeira fase de testes pré-alfa abertos iniciou em 10 de fevereiro, estendendo-se até 11 de fevereiro às 19h. Para os interessados em participar, basta baixar o cliente do jogo através do link fornecido pela desenvolvedora e criar uma conta. No entanto, é importante observar o acordo de confidencialidade (NDA), que proíbe a divulgação de imagens ou vídeos do jogo sem autorização dos desenvolvedores. Entre as melhorias em relação ao seu predecessor, BRITARIA apresenta uma nova perspectiva em terceira pessoa, um sistema de progressão baseado em perks (vantagens), um mapa expandido e redesenhado, além de novas raças, classes, monstros e missões. Contudo, é importante ressaltar que esta é uma versão pré-alfa do jogo, sujeita a bugs e problemas técnicos. Os desenvolvedores já identificaram algumas questões conhecidas, incluindo o apagamento das tochas antes do amanhecer e a ausência de penalidades por crimes.

Aqueles que encontrarem problemas ou desejarem fornecer feedback podem fazê-lo através do site oficial ou do Discord do jogo. A colaboração dos jogadores é essencial para aprimorar a qualidade do jogo e proporcionar uma experiência ainda mais cativante para todos os envolvidos. Com os testes em andamento, os jogadores têm a oportunidade única de explorar o mundo de BRITARIA, desvendando suas maravilhas e enfrentando seus desafios. No entanto, é necessário agir rapidamente, pois os testes terão fim em breve.

BRITARIA surge como uma versão reformulada do antigo MMORPG Legends of Aria, trazendo como principal inovação a introdução de NFTs (tokens não fungíveis). Esses ativos digitais únicos e verificáveis representam itens dentro do jogo, como armas, armaduras, montarias e até mesmo terrenos, permitindo aos jogadores a posse real de seus bens virtuais, que podem ser livremente negociados no mercado.

Máiron Vieira

Adepto de Computadores e Notebooks desde quando teve o seu primeiro acesso a um aos 6 anos de idade, um PC com Windows 95 que rodava Coelho Sabido e Swat 3. Desde lá, acompanha o mundo da tecnologia, onde se tornou especialista em Notebooks, Computadores, Monitores e Teclados Gamers. Juntou toda essa experiência com o passa tempo de jogos MMORPG, onde iniciou com Tibia em 2005, mas teve acesso a jogos também como Gunbound, para criar o Blog GAMIWORK. Desde 2019 possui expertise em tecnologia e análises de produtos. E-mail: mairon@gamificationofwork.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *